caping2

8.2.16

A Iluminação

Nos campings organizados 

Nesses campings existe luz elétrica, leve um fio padrão de 20 metros (tipo fio de geladeira) com bocal para lâmpada e tomada, e um alternador de voltagem. 
Existe bocais especiais com várias saídas, onde você pode puxar outros fios para dentro da barraca. 
É importante que fora da barraca o fio seja inteiriço. 
Uma boa lanterna é indispensável, e no caso de falta de luz elétrica, é bom ter um lampião (à gás ou querosene) de reserva.
Iluminação em um camping organizado

Nos campings selvagens (lampiões)

Quanto ao acampamento selvagem os lampiões são indispensáveis, se puder em número de dois, pois se você só levar um e por acaso ele pifar, pode ter certeza de que você vai ter problemas. 
Existem ótimos lampiões nacionais a gás de botijão (dura em média uma semana), com uma e duas camisas, o último sendo mais potente. 
Você também pode optar pelos de gás a cartucho, que é menos potente, tem pouca duração (só uma noite!), mais é mais prático e seguro.
Caso opte pelos que funcionam com benzina ou querosene (e até luz fluorescente), eu sugiro os da marca Coleman (americanos) que são excelentes. 
No caso dos modelos a querosene, eles são cem por cento seguros. 
No meu caso uso um velho à querosene (Chinês), que tem salvo vários acampamentos a base de lampiões à gás. 
Para os que optem pelos lampiões à gás, não esquecer de levar camisinhas sobressalentes.
Lampiões a querosene, o segundo é o que normalmente uso, nessa época ele estava novinho, dá pra notar.

Lampião a gás de botijão
Lampião Coleman americano (luz fluorescente), considerado um dos melhores do mundo!
Existe centenas de marcas, e modelos de lampiões. 
Pense bem antes de adquirir um; veja qual é a sua preferência, e vai usá-lo para que fundamento; se pessoal, de parceria ou com a família. 
Cada caso é um caso; em casa, quando falta luz é um excelente quebra-galho.
Uma barraca bem iluminada é fundamental. Note que tem 4 lampiões, mas a barraca é grande (tipo família).
Foram lançadas atualmente no mercado (pelos ingleses), barracas movidas totalmente a luz solar.
Até com acesso a Internet! Eu não sei se chegaram por aqui.
Querendo fugir de novidades mirabolantes, manchetes extravagantes, com paz, sossego, a natureza, junto com a família e amigos; isso seria um grande supérfluo.
Hoje não tem mais o que inventar ou fazer.
Elas foram criadas exclusivamente para trabalhos de campo rural, e pesquisas, e não de lazer; só pode.

Há épocas do ano em que a noite é tão linda e tão enluarada, que o lampião se torna quase dispensável; só se for para uma boa leitura.

Lanternas

É bom lembrar, que é indispensável o uso de uma boa lanterna, e que tenha o facho de luz bem forte. 
Sem ela, você poderá ter problemas no acampamento. 
Existe vários tipos e modelos; com lâmpadas fluorescentes e outras até com rádio embutido e sirene! Existe também lanternas a base de carbureto.
É fundamental que a lanterna alcance uma distância de foco segura (uns 15/20 metros) por causa de animais ou outra coisa qualquer. 
Esse tipo de lanterna usa uma bateria grande e dura por muito tempo. 
Mas existe outras; tipo pessoal (mini ou pequena) para no caso de procurar alguma coisa dentro da barraca, ou para pequenas caminhadas dentro do mato.

Uma lanterna ideal, tem que ter um bom alcance do facho na iluminação.

Mini-lanterna de bolso.
lanterninha



Nenhum comentário:

Postar um comentário