caping2

19.5.16

Serra e Estâncias

Acampe nas Montanhas 

Junto ao pico das Agulhas Negras, no Parque Nacional do Itatiaia, a mais de 2.000 metros de altitude, a temperatura nas madrugadas chega a descer vários graus abaixo de zero; de manhã, a geada que cobre os arbustos rasteiros é um espelho só.

No Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Teresópolis, as barracas são armadas tendo como fundo uma das mais belas paisagens brasileiras, onde se destacam os picos do Dedo de Deus, da Verruga do Frade, e do Dedo de Nossa Senhora.
Campos do Jordão, no inverno, é uma festa. Já Visconde de Mauá chega ser sossegada até demais.

Como Chegar - BR-116 (Dutra): longas retas com aclives e declives. As curvas são acentuadas em poucos. Entre Jacareí e São José dos Campos o trânsito é intenso e existe o perigoso "retão".
Na Serra das Araras pode haver quedas de barreira. O melhor acesso para Bananal é por Barra Mansa.
A Rodovia dos Tropeiros, em S.J; do Barreiro está em péssimas condições.
Na Dutra os congestionamentos ocorrem perto de São Paulo. A opção é a Ayrton Senna/ Carvalho Pinto. Com a privatização, o asfalto e  sinalização melhoraram.
O que curtir - Parque Nacional de Itatiaia; conjunto da Pedra do Baú, entre São Bento do Sapucaí e Campos do Jordão pedras Partida, Redonda e Chapéu do Bispo, em Monte Verde; fazendas históricas na Mantiqueira e Trilha do Rio do Ouro, de Cunha a Parati.

E tem ainda Penedo, Monte Verde (a mineira), o Parque Nacional dos Campos da Bocaina, São José do Barreiro, Friburgo.
Tomando como ponto de partida a cidade de Minas Gerais mostraremos o melhor roteiro para cada campista, excursionista ou alpinista chegar até esses refúgios que, entre Monte Verde, em Minas, Campos do Jordão, em São Paulo, e Nova Friburgo, no Rio – a pouco mais de duas horas de carro dos dois maiores centros urbanos do país – , conseguiram manter ainda um certo isolamento, retraindo-se em seu sossego e oferecendo, por isso mesmo, as tão desejadas e procuradas tranquilidade, paz e quietude que só as montanhas e serras sabem oferecer.
3186277259_dc45724bb1
Ahhh!! Consegui!!

Monte Verde

Distrito de Camanducaia.
1 600 m. Belo Horizonte 484, Camanducaia 32, Campos do Jordão 85, Itajubá 117, São Paulo 166.
Em sua paisagem se destacam árvores da Mata Atlântica, como o ipê e o carvalho, mas também possui vegetação de áreas subtropicais, como o pinheiro-do-paraná (araucária), cedros e outros. Se fosse um município, Monte Verde seria o segundo do Brasil com sede mais alta, atrás apenas de Campos do Jordão, no estado de São Paulo (a 1628 metros de altitude. Seu acesso é difícil para quem vem dos estados do Norte ou do Rio de Janeiro, não havendo estrada direta para o distrito. Somente cruzando o estado de São Paulo, ou vindo de Belo Horizonte, a Rodovia Fernão Dias fornece o melhor acesso (a partir de Camanducaia).

A maioria das suas estradas é de terra e o visitante deve prestar atenção às dezenas de indicações para as pousadas e hotéis.
Localizada em um vale e com acesso asfaltado, a cidade é um dos pontos turísticos mais procurados no Sul de Minas, principalmente no frio (a temperatura já chegou a -10º C).
No pórtico de entrada para Monte Verde mostra a temperatura, que no inverno são baixíssimas.

O visitante pode fazer caminhadas até os picos da região e comer fondues e trutas.
As trilhas: a mais fácil - Chapéu do Bispo e Platô; melhor vista da região - Pedra Redonda; trechos com maior grau de dificuldade - Pedra Partida; a mais longa - Pico do Selado, segue o topo da serra a partir do Chapéu do Bispo.
Pico do Selado

Camping Monte Verde - Estrada Monte Verde - Camanducaia: com refeitório, fogão a lenha, churrasqueira coberta, tanques/ lagos para pesca de trutas, espaço barraca compondo de fogueira, banheiros masculinos/ femininos, segurança.

Campos do Jordão

◬1 628 m. São Paulo 184, São José dos Campos 93, Monte Verde 110, Pouso Alegre 117, Rio de Janeiro 350.
A cidade fica à altitude de 1 628 metros, sendo portanto, o mais alto município brasileiro, considerando a altitude da sede. Está localizado no maciço da Serra da Mantiqueira, uma das mais elevadas cadeias de montanhas do Brasil. Possui uma área de 289,5 km². É constantemente visitado por turistas de todo o Brasil e até mesmo do exterior, que vão à localidade para gozar do clima de inverno.

O camping Rancho Alegre fica no mais bonito jardim de papoulas de toda cidade.
O jardim pertence ao Hotel Papoulas, em Descansópolis, a 6 km de Capivari, mas os turistas que vão procurar o camping – que funciona anexo ao hotel – também pode visitá-lo livremente. 
Existe outro camping CCB, em Campos do Jordão, e é um dos mais procurados, pela pesca no rio Sapucaí-Mirim, até a divisa do Horto Florestal, são abundantes os lambaris e as trutas.
Com 8 mil ha, preserva um dos últimos trechos de floresta de araucárias; oferece várias trilhas e escaladas.
Camping CCB SP-02 Campos do Jordão

Agulhas Negras

Seguramente deve ser o acampamento mais alto do Brasil, com altitude superior a 2.500 metros, junto ao pico, é o acampamento do Planalto, sob a jurisdição do Parque Nacional do Itatiaia, mas que somente é alcançado pela estrada de Caxambu (a rodovia das estâncias hidrominerais mineiras), que sai do km 168 da Via Dutra.

No acampamento do Planalto funciona também o abrigo Rebouças, para usar tanto um como outro é preciso fazer reservas com antecedência mínima de quinze dias e máxima de três meses. 
As cartas devem ser enviadas para: Parque Nacional do Itatiaia, estado do Rio de Janeiro e seu respectivo CEP. 
Entretanto é bom que se diga, não deve ser procurado por campistas comuns ou que tenha filhos pequenos. 
Ali, nas madrugadas, a temperatura chega a descer vários graus abaixo de zero!, fato que, aliado à precariedade das instalações, não aconselho a que se arme a barraca e fique a espera de noites tranquilas. 
O Planalto é para pessoas experientes!.

Agulhas Negras - Pico das Agulhas Negras

São José do Barreiro

◬510 m. São Paulo 269, Queluz 37, Bananal 44, Rio de Janeiro 174.
São José do Barreiro é um dos 29 municípios paulistas considerados estâncias turísticas pelo estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual. Também, o município adquire o direito de agregar junto a seu nome o título de Estância Turística, termo pelo qual passa a ser designado tanto pelo expediente municipal oficial quanto pelas referências estaduais.

Conhecida pela sua altura e beleza a cachoeira de Santo Izidro com 90 metros de altura, se localiza dentro do Parque Nacional da Serra da Bocaina, aproximadamente a uma hora do centro. São José do Barreiro é famosa pelas suas festas tradicionais voltada a toda família como a Festa de São José (mais conhecida como Festa de Julho), sempre no terceiro final de semana do mês; por sua Micareta , sempre no segundo final de semana do mês de janeiro e pelo seu animado Carnaval , com blocos de rua todos os dias.

Em dias de condições de tempos ideais, uma das maiores atrações para quem está no camping São José do Barreiro, ao pé da Serra da Bocaina (ainda no estado de São Paulo, quase divisa do Rio), é assistir aos vôos de asa-delta a partir do alto da serra. 
Localizado a 4 km do centro da cidade, por estrada de terra (com entrada pela Dutra, na cidade de Queluz) o camping ainda conserva muita da calma e tranquilidade rurais.
Camping Fazenda Dona Esmeralda – São José do Barreiro

Camping São José do Barreiro, Estr. da Água Santa

O Parque Nacional da Serra do Bocaina estende-se do litoral até o alto da Serra do Mar. Seu ponto culminante é o Pico do Tira o Chapéu (2200 m, no Morro Boa Vista), de onde pode-se avistar a Baía de Parati. 
Outros pontos interessantes são o Pico do Gavião que também permite ver o mar e uma rampa de voo-livre. Destaque para as trilhas que levam a picos e cachoeiras, como a de Santo Isídro, no Rio Mambucaba.

A Trilha do Ouro (de S. José do Barreiro a Mambucaba, localidade próxima a Parati), antigo caminho que levava ao litoral, tem cerca de 100 km e leva de 3 a 4 dias para ser percorrida. 
Uma atração nesse percurso é a Cachoeira dos Veados, com seus 200 m de altura em duas quedas.
O parque é recoberto de árvores como o baguaçu, palmito, xaxim e imbaúba. 
É habitado por várias espécies de macacos e aves, como a harpia, o gavião-pega-macaco e o macuco. Há também ouriços, preguiças, antas, cutias e veados.
São 27 km de estrada de terra em condições ruins. O trecho Parati/Cunha tem 7 km que são indicados apenas para carro com tração nas 4 rodas.
O camping selvagem é permitido para quem vai percorrer a Trilha do Ouro, mas é bom comunicar com antecedência ao posto do Ibama em S. José, caso venha se perder.

Bananal

◬454 m. São Paulo 323, Resende 65, Rio de Janeiro 125.
É a cidade que apresenta a maior redução populacional do Vale da Paraíba.
Local ideal para quem quer estar próximo a natureza e ao mesmo tempo conhecer um pouco de história. O município é cercado pela Mata Atlântica e pela Serra da Bocaina, onde é possível caminhar e encontrar cachoeiras.

Além disso, em toda a região estão espalhadas antigas fazendas de café. Algumas foram tombadas pelo Patrimônio Histórico e outras transformadas em hotéis-fazenda. A região central da cidade abriga casas do período colonial.
Camping Clube do Brasil - Estr. Camping Club Brasil - Serrinha, Resende:  com toda infra-estrutura.

Engenheiro Passos

◬475 m. Rio de Janeiro 186, Resende 28, Barra Mansa 58, São Lourenço 86, São Paulo 243.
Na divisa entre os dois estados do Rio e São Paulo, com pouca estrutura urbana e bons hotéis-fazenda, a cidade se destaca por ser o principal acesso aos picos das Prateleiras e Agulhas Negras, no Parque Nacional do Itatiaia.
Estação de Engenheiro Passos

A Associação de Campings do Brasil – Cambrás – mantém o Camping Engenheiro Passos, a 1.5 km da Via Dutra, pela rodovia que leva às estâncias hidrominerais de Minas Gerais. Ele tem piscina artificial e sauna de uso gratuito.

Eng-Passos

Penedo

◬600 m. Rio de Janeiro 176, Resende 12, Visconde de Mauá 39,  Itamonte 71, São Paulo 265.
O clima de paz e tranquilidade desta vila só é quebrado nos finais de semana, quando turistas lotam bares e restaurantes.
Nos meses mais frios, o número de visitantes é sempre maior. O acesso à Serrinha do Alambari é por estrada de terra, que fica precária em dias de chuva.

Talvez seja o melhor camping de montanha do eixo Rio - São Paulo.
Trata-se do camping Itatiaia, do CCB, a 12 km de Penedo (por estrada de terra em precárias condições), na região conhecida pelo nome de Serrinha.
Ainda em Penedo, no centro da cidade, existe o Camping Bandeirantes, exclusivo para os associados do Bandeirantes Camping Clube.

O Parque mantém abrigos que são cabanas rústicas bastante procuradas por montanhistas e boas opções para quem gosta de conviver livremente com a natureza.
Bandeirantes Camping Clube – Penedo
penedo-1
Camping Penedo da Rainha – Penedo
penedo-2
Não espere encontrar a praça, a igreja, as ruas alinhadas de uma cidade. Penedo é um povoado aparentemente desordenado, erguido às margens do rio Portinho, que os moradores do lugar conhecem também como rio das Pedras. Algumas casas estão ao lado da rua principal, que também é estrada, outras ficam em ruas paralelas, ou mais para o interior.
Um dos traços mais fortes deixados pela antiga colônia finlandesa, que começou a se formar em 1928, foi o hábito da sauna.

Visconde de Mauá

◬1 200 m. Rio de Janeiro 185, Penedo 35, Resende 46, Guaratinguetá 127, São Paulo 294.
A principal atividade econômica da região é o turismo, com mais de 100 estabelecimentos de hospedagem e dezenas de restaurantes, alguns especializados em trutas e receitas à base de pinhão.
Essa região se localiza em área de preservação ambiental, na serra da Mantiqueira, a 1200 metros de altitude. Os visitantes são atraídos pelas belezas naturais das cachoeiras e vales.

Há cinco grandes vales na região de Visconde de Mauá: Marimbondo, das Cruzes, Pavão, da Grama e Maromba.
Um dos mais bonitos é o do Pavão, com montanhas cobertas de capim verde brilhante e bosques de pinheiros, por onde corre um riacho de águas límpidas, frias e encachoeiradas.
O camping Pavão, a 4 km, por estrada de terra de Visconde de Mauá é bastante rústico, semi-selvagem. 
Mas um bom programa ele oferece; banhos em suas cachoeiras e as pescas. 
Dizer-se que o camping Buhler fica em Visconde de Mauá, no Estado do Rio, é uma mentira geográfica, mas geral e comumente aceita.
Pedra Selada em Visconde de Mauá

O certo mesmo é que ele se situa no estado de Minas Gerais, no distrito de Maringá, um dos três povoados que surgiram às margens do rio Preto – que faz a divisa – no século passado (os outros dois povoados são Visconde de Mauá e Maromba).
Mas tomando Mauá como referência, o camping funciona junto ao Hotel Buhler, distante 5 km da cidadezinha por estrada de terra. 
E são os pinheiros o maior encanto do camping. 
Sede da antiga fazenda Taquaral, outro camping é o Casarão, distante 6 km por estrada de terra de Visconde de Mauá, quase divisa do Rio com Minas Gerais.
Para o camping selvagem as opções são muitas, e para quem não carrega barraca, há a possibilidade de usar os chalés de madeira construídos numa área que vai na estrada de Maromba.
Camping de Maromba – Visconde de Mauá
Visconde Muá Maromba-1
A cidade nasceu de um dos três povoados surgidos às margens do rio Preto num século passado, quando o visconde de Mauá era dono de todas aquelas terras. As outras duas cidades, Maringá e Maromba, ficam 6 km adiante e concentram os hotéis do lugar.
Nessa região, de inverno rigoroso e com altitude entre 1 200 e 1 500 metros, o ar é muito mais puro e as casas de veraneio nas encostas e ao lado do rio parecem às vezes de brinquedo.
O rio Preto e outros menores, mas também belos e de águas claras e frias, são as maiores atrações de Visconde de Mauá.
Em todo o seu percurso, o rio Preto forma cachoeiras e piscinas naturais que atraem os visitantes.
Anda-se muito a pé em Mauá. Apesar de sua topografia acidentada, ou talvez por isso mesmo, por causa de suas matas limpas, próprias das regiões frias, o maior prazer dos frequentadores é visitar os vales distantes onde a natureza é quase virgem.

Itatiaia

◬390 m. Rio de Janeiro 174, Resende 15, São Lourenço 98, São Paulo 257.
Dos quatro abrigos do Parque Nacional do Itatiaia, três estão localizados na sede – com estrada no km 155 da Via Dutra – e o quarto o abrigo Rebouças, junto ao Acampamento do Planalto, no sopé do pico das Agulhas Negras. Já as cinco casas de hospedagem estão todas elas nas cercanias da sede, em meio as matas da serra da Mantiqueira.

E aqui, também, prevalece o mesmo critério de reservas estabelecido pela administração do Parque. Abrigos: construídos de pedras, são destinados a colégios e grupos organizados. 
Casas de hóspedes: são cinco e bem confortáveis. 
Da mesma forma para os abrigos, o tempo máximo de permanência nas casas de hospedagem é de sete dias.

Dois acampamentos, quatro abrigos e cinco casas, são as atrações que o Parque, dividido entre os estados do Rio e de Minas – e quase na divisa de São Paulo – oferece a campistas, excursionistas e veranistas.
E dos dois acampamentos do Parque, um se localiza na sede (dos Bandeirantes) e o outro junto ao pico das Agulhas Negras, a 63 km de distância. O acampamento dos Bandeirantes fica junto ao Lago Azul, em área protegida pela Polícia Florestal. O Parque criou normas e regulamentos para o uso de suas instalações. As reservas devem ser feitas por carta com antecedência mínima de quinze dias.
Camping Itatiaia CCB RJ-06 Serrinha
Serrinha-1
São nos meses de junho e julho que um elemento em especial atrai mais visitantes: o frio intenso. 
A mínima apontada pela estação meteorológica do local gira em torno de 6ºC. 
Não é a temperatura mais fria registrada, mesmo assim, em manhã chuvosa e com muita neblina, o lugar lota de turistas em busca de aventura.
Muitos não se contentam apenas em conhecer as belezas naturais do parque. Eles querem dormir na parte alta.
Parte mais alta do Parque de Itatiaia

Itatiaia é a última grande área verde no eixo Rio - São Paulo que permanece selvagem e inviolável. Com a forma curiosa de um bumerangue, o Parque de Itatiaia abraça a serra da Mantiqueira com sua mata exuberante, cresce e arremete até 2 550 metros de altitude, onde se transforma numa estranha região de rochas, rios gelados e mato rasteiro.
Ao lado dessa enorme área de 120 milhões de metros quadrados, com alguns locais ainda virgens, aninham-se duas pequenas cidades: Penedo e, bem acima, num vale tranquilo, Visconde de Mauá, como já foi abordado aqui.

Serra dos Órgãos

Na subsede do Parque Nacional da Serra dos Órgãos – com entrada no km 46.5 da Rio-Teresópolis – foram reservados dois locais para aqueles que ali desejarem acampar: 
A Carpintaria e a Clareira. 
E, como o acampamento 13 de Maio, na sede, os dois acampamentos da subsede são também modestos e rústicos, mas adequados para a prática do camping semi-selvagem. 
Para acampar, o campista pode escolher entre a sede e a subsede.
A sede fica no km 58 da estrada Rio - Teresópolis, já praticamente na cidade, com um único acampamento, o 13 de Maio.
serra-2 
Tem o ar puro, o verde das matas, o cantar dos passarinhos, alamedas, banhos em piscina natural pelas águas do rio Paquequer, passeios nas trilhas quase centenárias.
Para muitos campistas vale o sacrifício, principalmente para o camping selvagem, sem depender da subsede do Parque. 
Já para quem não gosta de acampar, o Parque também dispõe de dois abrigos, um para descanso, e outro exclusivo a alpinistas e excursionistas.
Abrigo 4 e Camping Pedra do Sino – Serra dos Órgãos
serra-1
Com uma área de 12 mil ha, seu relevo acidentado apresenta várias elevações rochosas, com destaque para o Pico Dedo de Deus (1 692 m) e a Pedra do Sino (2 263 m), o mais alto do conjunto.
O visitante pode percorrer trilhas e conhecer as diversas cachoeiras e piscinas naturais.
Os "trekkers" mais experientes podem fazer a travessia de Petrópolis a Teresópolis (42 km) em 3 dias, passando pelo Castelo do Açu e Pedra do Sino, que também pode ser alcançada por Teresópolis em trilha limpa de 5 h sem o acompanhamento de guias.

Teresópolis

◬871 m. Rio de Janeiro 91, Magé 31, Itaipava 40, Petrópolis 54, Nova Friburgo 77.
Apesar de não possuir o mesmo charme da vizinha Petrópolis, a cidade apresenta um clima agradável, realçado pela vista do Pico Dedo de Deus. Sede do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, apresenta várias opções de trilhas. A principal é a travessia do parque a partir de Petrópolis. São 3 dias de caminhada, passando por seus pontos culminantes. Na subsede do parque ficam as melhores piscinas naturais.
Em Teresópolis há apenas um camping organizado, e bem simples: é o Quinta da Barra, particular, a 1.5 km do centro da cidade pela estrada Teresópolis-Petrópolis. 
Considerada a “capital brasileira do alpinismo”, Teresópolis oferece uma série de passeios e opções turísticas, destacando-se o Parque Nacional da Serra dos Órgãos.
Pico Dedo de Deus

Camping Quinta da Barra – Teresópolis
quinta-da-barra-1

Nova Friburgo

◬846 m. Rio de Janeiro 150, Além Paraíba 54, Sana 61, Teresópolis 77, Petrópolis 131.
A arquitetura suíça aparece na arquitetura das casas e nas fondues e racletes servidas nos restaurantes. As atrações naturais são compostas por inúmeras cachoeiras e picos, dos quais, em dias claros, avistam-se a Baía de Guanabara e a Região dos Lagos.

É uma sensação diferente: de manhã, quando o sol começa a aquecer a terra, a neblina que se forma reduz muito a visibilidade, transformando pessoas e barracas em figuras difusas na paisagem. 
Essa é uma das características mais comuns no inverno do camping número 2 do CCB em Nova Friburgo, localizado na encosta da serra, no bairro de Muri, a 12 km do centro urbano.
Pedra do Cão Sentado

Entretanto, chegar até o camping Muri é um pouco complicado: deixando o km 69 da estrada Rio-Friburgo, encontra-se uma placa indicativa do CCB, apontando para esquerda; segue-se justamente na direção contrária! para a direita, e contorna-se a montanha por um quilômetro. (O problema é que não sei se endireitaram a placa).

O Morro da Caledônia, um formidável bloco de pedra da Serra dos Órgãos, domina toda a paisagem e, por isso, acabou dando seu nome a um dos dois campings que o CCB mantém em Nova Friburgo, no Estado do Rio. 
O camping Caledônia, está localizado no lugar chamado Cascatinha do Cônego, a 6 km do centro da cidade por uma estrada calçada de paralelepípedos.
O camping Tio Luís, particular, a 7 km do centro de Friburgo (está localizado às margens da rodovia Friburgo-Teresópolis a RJ-130). 
O camping resolveu investir em duas situações que a industrialização dos tempos modernos faz parecer coisa de um passado distante: o café da manhã com leite tirado na hora e a refeição caseira, feita em um bom fogão a lenha.
Camping Alto Astral – Nova Friburgo

Acampe na Paz das Estâncias

Atibaia, Águas de Lindóia, Serra Negra e Socorro são as estâncias mais procuradas de São Paulo. 
As águas de uso medicinal são procuradas para os mais diversos tipos de tratamento, mas as estâncias também são bastante visitadas para quem quer um local mais tranquilo.
Além das fontes de águas minerais, elas oferecem a paz do contato com a natureza.
Estâncias do estado de São Paulo

Atibaia

◬803 m. São Paulo 69, Bragança Paulista 25, Monte Verde 85, Campinas 88, Belo Horizonte 505.
Produtora de morangos, procurada para sede de eventos e por praticantes de asa-delta e paraglider.
Camping Pedra Grande - fica na estrada Pedra Grande, com acesso no km 61 da Via D. Pedro I. Situado na estrada dos Pires, fica o Taba Camping, tem uma área de 7 alqueires. Siga pela rodovia Fernão Dias, entrar no trevo Atibaia para chegar ao camping.
Taba Camping, Atibaia
TabaCamping

Socorro

◬752 m. São Paulo 131, Águas de Lindóia 28, Serra Negra 34, Bragança Paulista 45.
Uma das grandes produtoras de malha da região. Também possui águas radiativas.
Camping Valle das Águas - Estrada Municipal , S/N - Zona Rural, Socorro - SP: cozinha comunitária, banheiros femininos/ masculinos, estacionamento, sala jogos, área para fogueiras.
Filiado ao CCB através de convênio, uma área do Recanto Santo Antonio está localizada no km 3.5 da rodovia Socorro - Lindóia.

Lindóia

Localizado no km 18 da rodovia Socorro-Lindóia, o camping Estância Lindóia pertence a Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo. A não ser em feriados prolongados recebem campistas que não pertencem a Associação. 
Rio do Peixe é um dos mais antigos e conhecidos campings da região das estâncias hidrominerais. Fica no km 4.5 da estrada Lindóia-Itapira, e num dos melhores trechos.
Camping Lindóia
LindoiaCamping

Serra Negra

Localizada ao norte do Estado de São Paulo, numa região de 927m de altitude com picos de até 1.300m e rodeada por montanhas da Serra da Mantiqueira, Serra Negra possui um ambiente seguro e agradável.
A Estância Hidromineral de Serra Negra apresenta o turismo tradicional, de compras, de eventos e rural. Seu agradável clima de montanha, aliado às fontes de águas minerais com poderes terapêuticos e sua rica beleza natural, tornaram-lhe conhecida como "Cidade da Saúde".
O Camping Estância Serra Negra fica dentro do perímetro urbano, a 2 km do centro da cidade mais procurada do Circuito das águas de São Paulo, na estrada para Amparo, km 147. E na mesma estrada, no km 144, fica o camping Big Valley.
Camping Estância Serra Negra
SerranegraCamping

Itapira

O camping Cachoeirinha das Flores, fica na estrada Lindóia - Itapira, no km 14, e bem próximo desta última cidade.
Camping Cachoeirinha das Flores - Dona Rosa – Fazenda boa Esperança – Itapira
ItapiraCamping

Águas de Lindóia

O Camping do Nefelibatas fica a 2 km do circuito das montanhas, conhecido na região como “Caminho para o Morro Pelado” e próximo do centro de Águas de Lindóia.
Recanto dos Nefelibatas – Águas de Lindóia
NefelibatasCamping
É bom notar uma coisa interessante; muitos dos campings que existiam, pararam suas atividades, fecharam ou retornaram, e fiquei impressionado com a quantidade de campings organizados, e pousadas, que aumentaram assustadoramente.
Mas e o camping natural, como é que fica? existe? vai ficar na mesma?.
O camping natural (selvagem) existe, é claro, só escolher bem o lugar certo e com calma, perguntar se é proibido acampar, conversar com moradores do lugar, e com sorte se aventurar.
Foi abordado especialmente lugares de certa importância nesse roteiro, por motivos; para que você perceba a imensidão, a diversidade e as alternativas de campings espalhados neste vasto país. 
Os outros estados que me perdoem, mas não ficam nada a dever em beleza e diversidade.


Atenção: O blog Camping Natural não se responsabiliza por alterações realizadas pelos estabelecimentos (infra-estrutura, roteiro, etc.) após o fechamento desta postagem.


6 comentários:

  1. Muito boa a matéria a respeito dos Camping's, e como vc mesmo diz fuja dos Camping's que só querem arrecadar e não se preocupam com o Campismo em geral, transformam um lazer em pesadelos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Antonio JL.
      É isso mesmo, além de não se preocuparem pelo Campismo; não entendem nada sobre o assunto, e sim, ganhar dinheiro; e o mais importante "faltam com o respeito e moral ao campista".

      Excluir
  2. olá vi seu tbm esse post no facebook, aki diz que as opçoes de camping selvagem sao muitas mas nauw diz onde , algum nome, e q eu nunca fui lá entao seria bom ir com algumas referencias, agradeço se puder me ajudar. e se quizer alguma dica sobre Guapimirim eu moro aki pode perguntar , valeu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Monique.
      Há sim 2 locais para campings semi-selvagem; na Serra dos Órgãos, o Carpintaria e Clareira, mas sainda dessa subsede há lugares "é só escolher" para prática do camping totalmente selvagem, recomendado para pessoas bem experientes.
      Em Guapimirim como também em Cachoeiras de Macacu, ainda estou fazendo uma pesquisa e procurando lugares para essa prática.
      Qualquer novidade desses lugares postarei aqui.
      Obrigado Monique.

      Valter Luna.

      Excluir
  3. A foto que mostra barracas com uma casinha ao fundo não foi tirada em um camping do CCB, e sim na área gramada pertencente, na época, ao Hotel Alsene, localizado junto à estrada de acesso à parte alta do Parque Nacional do Itatiaia. Esse lugar, fechado há vários anos, permitia, mediante pagamento, que se acampasse nessa área. Isso foi proibido pela direção do Parque Nacional do Itatiaia há muitos anos. Hoje não há área de camping próxima ao parque, a mais próxima fica no bairro Vargem Grande, a cerca de uma hora de carro da portaria da parte alta do parque, trata-se da Pousada e Camping dos Lírios. Ela tem um site, é só procurar no Google.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa! muito obrigado Gil, valeu mesmo a observação. Irei procurar, e colocar logo isso em dia. É como disse, em pouco tempo muda tudo; onda tinha não há mais e onde não tinha há!
      Vou pesquisar sobre essa pousada dos Lírios.

      Abraços, Gil Roberto.

      Valter Luna.

      Excluir