24.7.16

Interior de São Paulo

Cidades do interior paulista como Campinas, Jundiaí, Piracicaba, Campos do Jordão, Atibaia, Itu, Bragança Paulista, Sorocaba, São José dos Campos, São José do Rio Preto e outras nas proximidades da Grande São Paulo e da Região Metropolitana de Campinas costumam receber elevado número de visitantes. Pequenas cidades do interior também apresentam um fluxo considerável de turistas, sobretudo as cidades históricas e estâncias turísticas.

O interior tem destaque por possuir um conjunto cultural muito rico, inclusive com vários sotaques próprios e diferentes daquele da capital e do litoral.
O interior paulista sustentado pela renda do agronegócio e da cana-de-açúcar foi a região que mais ampliou gastos com alimentos, bebidas, produtos de higiene e limpeza no primeiro semestre de 2011 em relação a igual período de 2010, à frente até dos mercados mais famosos do consumo, como o Nordeste e o Centro-Oeste.

Itu

◬ 583 m. São Paulo 102, Sorocaba 39, Campinas 48, São José dos Campos 185, Bauru 240.
A cidade "Estância Turística" conta com vários monumentos históricos, como o Museu da Convenção, a casa onde ficou hospedado dom Pedro II, o famoso Telefone Público, a Igreja Matriz Nossa Senhora da Candelária, o Semáforo próximo ao orelhão e o Armazém do Limoeiro, entre outras. A maior parte das atrações de Itu está no Centro e pode ser conhecida num só dia, a pé.

Camping Fazenda Paineiras - Rodovia Marechal Rondon, KM 115,5 – Bairro Itaim – Itu: área com infraestrutura para barracas e motorhomes, com chalés, piscinas, pesca.

Camping Chapéu do Sol - Av. das Garças, siga placas até a Estrada Itu 010 - Itu: área 85 mil metros quadrados de área verde, piscinas,  churrasqueiras, salão de jogos, playground, quadras esportivas, lago pesca, restaurante.

Camping do Alemão - Estrada dos Romeiros (mais conhecida como Estrada do Parque) no Km 90: área para barracas ou hospedar-se em chalés, estrutura completa, piscinas, lanchonete.

Indaiatuba

◬ 624 m. São Paulo 99, Campinas 22, Itu 24, Sorocaba 57, Bauru 265.
Com o seu crescimento, Indaiatuba se tornou uma cidade turística e tranquila. Seu principal ponto turístico é o Parque Ecológico de Indaiatuba que é um extenso eixo de aproximadamente 10 quilômetros lineares com uma área de aproximadamente 2 milhões de metros quadrados que contaria 12 centros comunitários, viveiro de pássaros, restaurante, museu, pátio de esculturas, centro de exposição de flores, centro administrativo com Fórum, Câmara e Paço Municipal, barcos, pedalinhos, teatro de arena, lanchonete e ciclovia em todo o contorno do Parque com muito verde. 
Camping Cabreúva - Rod. Dom Gabriel P. Bueno Couto, km 92,5 - Pinhal - Cabreúva, próximo Indaiatuba: área para camping,  pia lavatória em cada platô, postes com iluminação (220v), estacionamento em frente, sanitários masculinos e femininos, chuveiros com aquecimento central.

Campinas

◬ 696 m. São Paulo 99, Araraquara 191, Ribeirão Preto 238, Bauru 269, Curitiba 476, Belo Horizonte 601. 
Quanto aos atrativos turísticos, o principal parque urbano da cidade é o Parque Portugal, mais conhecido como Taquaral, em função do nome da lagoa, fundado em 1972.
Nele há um ginásio esportivo, uma rota de bonde que circunda a lagoa, o Planetário.

Outras atrações são o Bosque dos Jequitibás, que em seu interior abriga um minizoológico e o Museu de História Natural. O mirante no alto da Torre do Castelo permite uma vista quase completa da cidade a partir de suas seis amuradas. 

Camping Macuco - Estrada Municipal Gov. Mario Covas, Km 4,6, S/n - Macuco, Valinhos - SP, próximo Campinas: camping com estruturas e camping selvagem, piscinas, campos, lagos, churrasqueiras.

Bragança Paulista

Estância climática.
◬ 817 m. São Paulo 89, Itatiba 32, Campinas 59, Pouso Alegre 129, Ribeirão Preto 238, Belo Horizonte 519.
Centro de comércio e serviços para fazendas e indústrias da região. A vida noturna concentra-se às margens do lago, na entrada da cidade, perto da Universidade São Francisco. Bragança Paulista é um dos 12 municípios paulistas considerados estâncias climáticas pelo Estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual.

Camping Ilha Morada do Sol - Estrada Municipal José Vaccari, s/n - Represa Jaguari - Bragança Paulista: área para barracas e RVs, lavatórios, chuveiros quentes, churrasqueiras, estacionamento.

Jundiaí

◬ 761 m. São Paulo 60, Campinas 45, Itu 51, São José dos Campos 149.
A paisagem mais marcante da cidade é a Serra do Japi, uma das grandes áreas de Mata Atlântica nativa contínua no estado de São Paulo, denominada como "Castelo de Águas" por muitos naturalistas, devido a sua riqueza hídrica. Tombada em 1983 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico e, posteriormente, regulamentada como reserva biológica. Declarada em 1992 pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura como reserva da biosfera da mata atlântica.
Camping Sítio Serra das Paineiras - Estr. da Laranja Azeda - Santa Clara, Jundiaí: na Serra do Japi, toda infraestrutura, vestiários, chuveiros, trilhas ecológicas, contato com a natureza e ecoturismo.

Campos do Jordão

Estação climática.
◬ 1 628 m. São Paulo 184, São José dos Campos 93, Monte Verde 110, Pouso Alegre 117, Rio de Janeiro 359.
Os hotéis, bares, restaurantes concentram-se na Vila Capivari.

Campos do Jordão é chamada de "Suíça Brasileira", como estratégia de marketing, pela sua arquitetura tardia baseada em construções europeias e pelo seu clima mais frio que a média brasileira. Por isso, a cidade recebe maior quantidade de turistas durante a estação do inverno, especialmente no mês de julho.

CCB Campos do Jordão - Av. Pedro Paulo - Estr. para o Horto Florestal - Rancho Alegre - Campos do Jordão: área para barracas e RVs, sanitários, chuveiros quentes, estacionamento.

Camping da Malu - R. Dona Eliza - Capivari - Campos do Jordão: área para barracas e RVs, sanitários, chuveiros quentes, estacionamento.

Atibaia

Estância climática.
◬ 803 m. São Paulo 69, Bragança Paulista 25, Monte Verde 85, Campinas 88, Belo Horizonte 505.
O Monumento Natural Estadual da Pedra Grande é um dos pontos turísticos de Atibaia. Se localiza a 1 450 metros acima do nível do mar. No alto de uma colina, aflora um enorme monólito que permite em algumas ocasiões, a prática de voo livre, asa delta, paraglider, escalada, rapel e mesmo de um magnífico mirante para toda Atibaia e regiões vizinhas a ela.
Camping Rio Manso - Av D. Pedro I, Km 77,5 - Estr. dos Pires - Bairro Caetetuba - Atibaia: toda infraestrutura para camping e lazer, junto a natureza.

Socorro

◬ 752 m. São Paulo 131, Águas de Lindóia 28, Serra Negra 34, Bragança Paulista 45.
O município de Socorro tem o turismo como uma de suas principais atividades econômicas.
É conhecida como a Capital Nacional do Tricô e Malha.

A Feira Permanente de Malhas e o Moda Shopping atendem aos turistas e cobrem as encomendas de grandes lojas da Capital. A cidade também tem potencial para os esportes de aventura. Hoje, ela é uma das principais cidades do Circuito Nacional e também faz parte do Projeto Socorro Acessível, em que as práticas esportivas incluem pessoas com necessidades especiais. 
A cidade tem uma ampla cobertura de Hotéis e Pousadas distribuídas na cidade e fazem parte do Turismo Rural. Há também cerca de dez alambiques, dez pesqueiros e pequenas propriedades para a comercialização de produtos orgânicos.
Anualmente, no primeiro final de semana após o carnaval, também é realizado o tradicional "Rock in Help Festival", reunindo público e bandas de diversas regiões do Brasil.

Camping Valle das Águas - Estrada Municipal , S/N - Zona Rural, Socorro - SP: cozinha comunitária, banheiros femininos/ masculinos, estacionamento, sala jogos,  área para fogueiras.


Nenhum comentário:

Postar um comentário